Cícero Cattani
09 jan 2018

Solução de Richa para superlotação de presos sob suspeita

Com as primeiras unidades inauguras na segunda por Beto Richa, talvez imaginando mostrar à ministra Cármen Lúcia como solução paranaense para a superlotação de presos, as células modulares já estão  sob suspeição de que tenham sido superfaturas. Elas são feitas de concreto, têm 18 metros quadrados,  dois pequenos banheiros e beliches de concreto, com capacidade para 12 presos.

O custo unitário de um shelter (como elas são chamadas) ficaria em R$ 140.350,00.

Engenheiro e sócio de uma construtora de porte médio de Curitiba assegura ser possível construir e entregar com lucro uma casa típica com o padrão exigido pela Caixa Econômica por R$ 133.875,00 – quase R$ 7 mil a menos do que o governo estadual paga por um shelter – revela o Contraponto.

“Não cabe na cabeça deles que, por mais medidas de segurança de que sejam dotadas as celas para evitar fugas (como uma placa de ferro sob o piso), elas custem mais do que uma residência familiar térrea de alvenaria no padrão do programa “Minha casa minha vida”, com 85 metros quadrados, dois quartos, banheiro, sala-cozinha conjugadas e área de serviço”.

E, agora, Beto Richa?

Comentários

  • penitenciário | 09 jan 2018

    Esses cubículos não valem nada e não vai ser meia dúzia desses lixos que vai resolver o problema , que existe á mais de sete anos ! Quando o corrupto assumiu começaram as rebeliões e desde essa data o cara não fez nada ; receberam milhões do governo federal da Dilma e desviaram o mesmo , uniram as secretarias da Justiça e Segurança somente para se apossarem das verbas dos presídio , principalmente o outro integrante da quadrilha que é o francisquini, pai do cagão e agressor de professores. ACABA LOGO GOVERNO DESGRAÇADO !

  • prof Eliza | 10 jan 2018

    É verdade, faz muito tempo que dizem estar resolvendo essa situação; até agora nenhuma notícia de inauguração de presídio; o que se ouve é a reclamação de policiais civis , que tem que prender, cuidar, procurar assistência de saúde, alimentar , conseguir advogados para os bandidos; e o nosso grande tribunal de justiça e o MP rindo á toa com todo tipo de verbas de auxílio que o desgovernador lhes concedeu por medo, tirando dos outros segmentos do funcionalismo como agentes de saúde, agentes penitenciários , policiais civis , policiais militares, advogados , médicos , engenheiros e principalmente nós os prpfessores ; acorda Paraná volta logo REQUIÃO!

Faça um Comentário