Cícero Cattani
07 mar 2018

Rocha Loures desespera com abertura dos seus emails

Radar/Veja

Rodrigo Rocha Loures vem usado um boné enterrado na cabeça para passear em Brasília, na certa, com a esperança de não ser reconhecido como o sujeito que entrou para a história ao correr pelas ruas de São Paulo com uma mala contendo 500 000 reais.

A estratégia vinha dando certo, até o ministro Luís Roberto Barroso determinar a quebra dos sigilos de Michel Temer e sua turma, entre eles o homem da mala, lógico.

A canetada de Barroso deixou Rocha Loures desesperado, sobretudo depois quando soube que o Supremo requereu acesso a todos os emails enviados durante os períodos em que ele foi deputado e assessor de Temer.

Faça um Comentário