Cícero Cattani
17 maio 2018

Juiz manda Copel revelar gastos com publicidade

A Companhia Paranaense de Energia (Copel) está sendo obrigada pela Justiça, após um mandado de segurança impetrado pelo deputado estadual Nereu Moura, a informar quanto gastou dos cofres públicos com publicidade, patrocínios e convênios.

A liminar foi concedida nesta quarta-feira (16) pelo juiz Guilherme de Paula Rezende, da 4º Vara da Fazenda Pública de Curitiba. O magistrado havia determinado na semana passada que a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) abrisse as mesmas informações, após mandado de segurança também assinado por Nereu Moura.

O parlamentar havia solicitado os dados por meio da Assembleia Legislativa, já que faz questão de fiscalizar os gastos públicos, mas como o Governo Estadual decidiu desrespeitar a Lei de Acesso à Informação, teve de recorrer à Justiça.

A Copel e a Sanepar têm prazo de 30 dias, após notificação, para enviar os dados sob pena de multa de R$150 mil, podendo, ainda, responder por crime de desobediência e ato de improbidade administrativa.

Faça um Comentário