Cícero Cattani
01 ago 2018

Eleições. Osmar promete mais um dia agitado

Osmar Dias vai continuar batendo na tecla  que não fará aliança com o Requião e reafirma interesse em fazer acordo branco desde que o MDB não lance candidato ao governo. Da sua parte,  Requião rejeita acordo e critica a postura do pedetista. Osmar declara publicamente que não faz aliança com Requião por causa do vínculo do Senador com PT e chama João Arruda de piá pançudo para meio mundo. Requião disse que Osmar tá confuso e que quem foi funcionário da Dilma foi o pedetista e não ele.

João Arruda não responde e comenta com um prefeito que o Osmar é mal humorado e que não será desrespeitoso com um senhor de idade. Aliança MDB e PDT se torna impossível e o João Arruda é candidato a governador. A oficialização da candidatura pelo MDB será nesta sexta.

Consciente dos maus momentos que vive, Osmar conversa com a bancada do PSB e volta ameaçar   Ricardo Barros de que pode ser candidato ao Senado na chapa do Ratinho. Ricardo Barros, por sua vez,  afasta definitivamente o Beto Richa, complica a chapa proporcional e convida Osmar para ser candidato a Senador na chapa da Cida. Osmar não aceita, afirma que quer distância do governo Richa, mas aceita coligação com Deputados da bancada do camburão.

Severino, Cury e Romanelli conversam com Osmar e pedem apoio ao Beto caso ele seja de fato descartado por Cida. Osmar se solidariza com o Beto em off, mas mantém as críticas ao Beto em on. Ricardo prepara exonerações das indicações do trio socialista, diz que não abre mão do PSB, mas oferece o PPS ao Osmar para que ele mantenha sua candidatura ao governo e embole o meio de campo no primeiro turno.

O  PSB se reúne logo mais, às  11 horas, para definir uma estratégia e exigir do Ricardo aliança com Beto e chapa proporcional com PSDB ou podem até ir com Osmar no primeiro turno.

O diabo é que o Osmar só aceita a bancada do camburão sem o Beto. Ratinho neutraliza Alvaro Dias, oferece PSC nacional para o candidato Paranaense e coloca uma placa de “reservado para o Osmar” em uma das vagas para o Senado na sua chapa.

É o samba do crioulo doido e, pelo visto, as decisões ficarão para os últimos minutos do segundo tempo. Só temos uma certeza. A mesma energia que a turma da Cida e Ricardo colocarão na campanha para derrotar o Ratinho, Requião colocará para derrotar o Osmar. A campanha promete!

É o que temos, por ora. A campanha promete. Tudo pode acontecer até o derradeiro dia das definições, domingo.

Comentários

  • interior | 01 ago 2018

    Osmar perdeu a linha. indeciso, incoerente, etc. tiha tudo para ser o governador. vai perder a eleição. negociou apoios e cargos do mesmo jeito que sempre foi a velha politica que acabou com o pais. velho osmar, velha politica. velhos dias

  • Arivaldo Lins | 01 ago 2018

    Essas “otoridades” politicas citadas… De tanto fazerem CONCHAVES e TROCA TROCAS da “PÉSSIMA CULTURA”de Levar Vantagens contra o POVO… Não TEM nem para quem mais OFERECER o RABO para ser PRESO!!! E até o Diabo já está essa Categoria de Demônios PARANAENSES…. “TUDOFZES”

  • Arivaldo Lins | 01 ago 2018

    Essas “otoridades” politicas citadas… De tanto fazerem CONCHAVES e TROCA TROCAS da “PÉSSIMA CULTURA”de Levar Vantagens contra o POVO… Não TEM nem para quem mais OFERECER o RABO para ser PRESO!!! E até o Diabo já está REJEITANDO…essa Categoria de Demônios PARANAENSES…. “TUDOFZES”

  • penitenciário | 01 ago 2018

    O osmar deve ter algum problema mental pré-eleitoral , essa postura ja adotou em eleições anteriores e perdeu; desprezar a ajuda e o nome do Requião 2 x senador e 3 vezes governador do Paraná , é coisa de candidato burro ! Ninguem venceria Alvaro, Requião o mdb bom do Paraná e o pdt , outros partidos viriam no segundo turno, até o pt da Dilma a quem ele serviu no banco do Brasil e bem . Se não mudar de postura a ratazanarada, ganha no primeiro turno e a quadrilha está de volta ! ACORDA IDIOTA !

  • Eleitor | 01 ago 2018

    Osmar, vai para o Senado, quem avisa amigo é.

  • Pandora | 01 ago 2018

    Na minha opinião, Osmar Dias, com sua conhecida e cansativa indecisão, está, novamente, sepultando suas pretensões políticas.
    Efetivamente, o Paraná, merece um governante de personalidade, bom caráter e com atitude. Playboy, o povo deve ter aprendido que não deve eleger, pois, presta somente para mentir, aumentar impostos e esvaziar os cofres do públicos. Indeciso bode velho que não desocupa a moita e/ou comunicadores de Massa, também estão longe de ser o ideal político para nossa gente, principalmente, se considerarmos o modelo de escola frequentada pelo ex secretário de governo e amigo do playboy. Infelizmente, quase não teremos escolha, pois, desses candidatos, um deles causa extrema preguiça no eleitor e o outro, representa o continuísmo do que de pior existiu na política paranaense.

    Acooooorda minha gente!!!

Faça um Comentário