Cícero Cattani
04 ago 2018

Convenções. PDT deixa decisão para amanhã; os candidatos

Por Roseli Abrão, blog –

Sem a presença de Osmar Dias, o PDT paranaense realizou convenção hoje, mas deixou a decisão final sobre seu rumo na campanha para amanhã, último dia previsto pelo calendário eleitoral para definições de candidaturas e/ou coligações.

Como ficou acertado ontem à noite, com o presidente nacional do partido, Carlos Lupi, foi lançado o nome de Nelton Friedrich ao governo do Estado.

O que é certo é que o PDT irá às eleições de chapa pura, sem coligações.

Cida
Em convenção concorrida, realizada no Espaço Torres, o PP lançou a candidatura da governadora Cida Borghetti à reeleição.

Depois de muitas idas e vindas, o ex-governador Beto Richa finalmente chegou a um acordo com o grupo de Cida e será candidato ao Senado. O deputado Alex Canziani, do PTB, também integra a chapa de Cida como candidato ao Senado.

Cida terá a maior coligação nestas eleições. Dez partidos estarão em seu palanque.

Ratinho
Ao contrário do que estava previsto, o candidato do PSD ao governo, Ratinho Júnior, não foi à convenção que homologou a candidatura do senador Alvaro Dias à Presidência da República.

Mas ganhou o apoio do Podemos, que passa a interar sua coligação.

Ontem à noite o PPS do deputado Rubens Bueno decidiu apoiar a candidatura de Ratinho Júnior.

MDB
O MDB se reúne na manhã deste domingo para definir sua participação nas eleições de outubro.

O partido do senador Roberto Requião deve confirmar o nome do deputado João Arruda como candidato ao governo.

Comentários

  • Pandora | 05 ago 2018

    Valeu Osmar Dias!
    Saiba, pessoalmente, teria muitas coisas para dizer, mas, por hora, vendo como ficou o quadro político do Paraná, após retirada da tua candidatura, só temos a agradecer.
    Agradecer pelo desrespeito, indiferença e abandono do teu eleitorado. Daqueles que tanto confiaram em você e no bom desempenho da tua campanha para ve-lo governador. Daqueles que esperavam frente ao Palácio Iguaçú, a atuação de um homem de bem, honrado e digno, que os livrasse, definitivamente, das garras dos ranços que, finalmente, restaram para escolhermos. Sequer disputar vaga ao Senado você optou. Simplesmente, por prováveis questões familiares, fechou portas e abandonou sua gente.
    Cartas, justificando atitudes com palavras bonitas, são fáceis de ser redigidas. Difícil é perguntar a sua gente o pensou e concluí de tudo isso.
    Obrigada, Osmar Dias!
    Você é demais!

  • Jeremy Clayton II | 06 ago 2018

    A governadora em exercício quer ganhar por WO. O marido, da ala acostumada a ver malas voando por aí, faz o que sabe para limpara o trecho. Azar do Paraná que terá que escolher, provavelmente, entre esta senhora sem voto e com extenso patrimônio e o filho do apresentador de TV que pediu para o pai dinheirinho para brincar de política.

Faça um Comentário