Cícero Cattani
01 maio 2018

Campanha eleitoral em cenário de tempestade perfeita

– As campanhas eleitorais entram em campo, chegam às ruas, invadem até velórios e festinhas de aniversário de criança. O povo não está nem aí para a política. Mas eles, os políticos, não perdem a pose. Vão em frente com apelos piegas ao patriotismo, juramentos de honestidade, abusos de expressões como “renovar esperanças”, e eles, cínicos e desesperados, com medo da Lava Jato, renovam as suas esperanças em previsões furadas de astrólogos, tarólogos, pesquisadores e outros loucos. Há os petistas que dizem que sofreram um golpe e os que lamentam o desastre em que a Nação se enfiou guiada pelo petismo. O pano de fundo é esse esgoto da corrupção que escorre a céu aberto em nossas vidas. É preciso ter ânimo forte e estômago protegido. Haja engov!”

O quadro que mais parece cenário de uma tempestade perfeita é do jornalista Fabio Campana, de longa atividade nos meios políticos, havia ao menos três décadas.

Comentários

  • penitenciario | 02 maio 2018

    Ué, será que esse comentário do fabio campana de descrédito nos politicos como um todo , é em razão de que todos da quadrilha do seu chefe e ex patrão ( BETO LIXO ) estar as vésperas de ser preso e ainda a cida , a filha , o marido e o ratinho ? O fabio sabe que no Paraná ainda tem gente boa, como o Osmar , os estaduais do pt, o Anibelli , o Requiao Filho , a Cristiane Yared , ate´ o Alvaro e aquele que o campana adora, que orgulha o Paraná no senado, que é o grande Roberto Requião !

  • professora Eliza | 02 maio 2018

    Penso que o lamento maior e a tristeza do Campana , seja pela perda do carguinho comissionado ! Parece que o greca ta com farta distribuição !

Faça um Comentário